terça-feira, 29 de março de 2016

How To Get Away With Murder - Season 01 - ABC - 2014

Resenha abaixo CONTEM pequenos spoilers.


Escrever sobre uma série que os episódio são sequenciais é bem complicado por causa dos spoilers, mas uma série tão f**a dessa, são pouco que ainda não viram, ainda mais por ser uma série de Mid-Season onde a mesma é curta onde tem 15 episódios por temporada. 




A quantidade de séries que tem atualmente sobre advocacia não está no gibi e esse estilo, mas quando uma que fala sobre termos jurídicos, fóruns, clientes, advogados e assassinato do grupo de estudo de uma professor que é uma tremenda FDP! (não irei dizer que sigla é essa!) você se prende no episódio deste o início. 


Nessa série você não sabe quem é mocinho, quem é vilão e principalmente quem é que faz cada coisa, pois tenha certeza que você não saberá quem é o assassino do personagem que aparece no início da história, do meio da história e do final dela. Siiiiiiiiim... povo! Tem assassinato para dar e vender em meio a 15 episódios. 


E não vou chegar nem perto de falar nada dessa série que estrague a experiência. Mas uma dica é certa... se você acha que o assassinato no primeiro episódio irá rolar até o final da temporada, de certa forma rola... mas ele é resolvido no episódio 9, ou seja, lembre-se que eu falei que a série não é a mesma que andamos vendo nas televisões americanas. 


Nesse momento depois to 9º episódio, você já está arrancando os cabelos, roendo as unhas e principalmente, altamente viciados na série sem nenhum personagem preferido pois todos são susceptíveis a erros e eles todos erram de determina forma... Isso da série fazer ao mesmo tempo um flashback, presente, e o futuro... é fenomenal, pois foi colocado de tal forma certa, que você não se cansa, e quando percebe viu um episódio de 40m super rápido. 


Mas não posso deixar de comentar aqui sobre a Sra. Viola Daves, e deixo a sinceridade ser mais alta nesse momento onde digo que nunca dei a devida atenção a atriz e por conta disso nessa série, ela me surpreendeu de uma forma que por diversos momentos fiquei de queixo caído, inclusive uma das melhores cenas se série que já vi... no final de uns dos episódios do início da temporada onde você percebe que está ali no meio a junção da atriz, atuação e do papel... tudo ao mesmo tempo...

SUUUPER merecido do Emmy para essa excelente atriz.

Mas que isso é spoiler... Se não viu a série... não sabe o que está perdendo.


Obs.: Prefiro não quantificar, pois eu não tenho a capacidade de enumerar de 0 a 10 o quão ele pode ser ruim ou não. Prefiro deixar você descobrir. E se por ventura houver erro de português, não deixa de me avisar, sou humano e vou errar! (Essa observação irá em todas as resenhas)
Share:

Um comentário:

Sobre Nós

Sobre Higor e Juliana: Casal geek, cinéfilos, leitores compulsivos. Amantes de um bom seriado e perdidamente apaixonados pelo mundo da literatura.