domingo, 6 de março de 2016

Master of None - Season 01 - Netflix - 2015

Resenha abaixo CONTEM pequenos spoilers.


Netlix mais uma vez brincando não somente com nosso tempo, como nossa paixão, nossa vontade de principalmente nossa paciência. Com assuntos extremamente atuais, complexos e de supra importância, começamos a ver essa pequena série de comédia, mas com dramas bem profundos e que merece maior atenção de todos. Netflix.... porque fazes isso comigo?!

A série acompanha a vida, nos âmbitos pessoal e profissional, de Dev (Aziz Ansari), um ator de 30 anos de Nova York que tem problemas para decidir o que quer comer, mas não para decidir qual caminho quer seguir para o resto de sua vida. Ambiciosa, divertida, cinematográfica e intensamente pessoal, a história de Dev o leva a mergulhar em diversos temas, desde direito dos idosos à rotina dos imigrantes em um país estrangeiro.


Quando pensamentos em comédia, pensando logo nas série de sitcom com risadas enlatadas que tantas conhecemos, deste de The big bang Theory até Friends.. (devo dizer que são ambas excelentes!). Porém de formos mais a fundo esquecemos de séries que não nesse mesmo molde tão tradicional e podemos acabar lembrando de morden family, californication... que são exemplos clássicos de séries que foram de seus padrões dessas risadas.

È com essa série que nos deparamos atualmente, Master of None vem com o principal objetivo de além não ser tradicional, onde o protagonista é um indiano que quer ser ator, com um amigo asiático, uma Lésbica e um cara gigante e bobalhão (ele não é a virgula de comédia da série, mas tem ótimas tiradas!).


Uma série por vezes com humor extremamente ácidos, e você achando que os protagonistas são retartados, vemos que ao fundo sempre há um objetivo a chegar naquele episódio. Seja discurso sobre o que é ser parente, o racismo frente a diversas raças, o tratamentos idosas, a diferença da vida entre a mulher e o homem e o mais importante, a diferenças de etnias em um relacionamento que não final de tudo se resumo a simples relacionamento.


Vou logo avisando que essa série não vai te trazer altas risadas, não vai lhe trazer lágrimas, mas vai lhe trazer sensações que são raras a série capazes de lhe trazer. Agora me pergunta quais são as sensações?! Deixo para você descobrir. Pois cada episódio lhe traz um ou mais diferentes, e chega no final com aquele gosto de sempre quero mais.

Aquele série que prima não só pelo que você ver, mas pelo que você escuta  e lembra, com referências de encher os olhos dos saudosos e conhecimento aos mais novos. A série ela é tão bem feita que até o marketing caprichou nas capas de cada episódio que mostro abaixo. Só digo uma coisa.. Netflix conseguiu me viciar em mais uma série e ainda por cima que lança só em 2017! Sacana!!

P.S.: Da esquerda para direita a ordem dos episódios, continuando na linha seguinte.


Obs.: Prefiro não notificar o livro, pois eu não tenho a capacidade de enumerar de 0 a 10 o quão ele pode ser ruim ou não. Prefiro deixar você descobrir. E se por ventura houver erro de português, não deixa de me avisar, sou humano e vou errar! (Essa observação irá em todas as resenhas)

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Sobre Nós

Sobre Higor e Juliana: Casal geek, cinéfilos, leitores compulsivos. Amantes de um bom seriado e perdidamente apaixonados pelo mundo da literatura.