terça-feira, 17 de maio de 2016

[Resenha] A Bela e o Ferreiro - Tessa Dare - Spindle Cove - Gutenberg - 2016

Resenha abaixo não contém spoilers.


Título Original: Beauty and the Blacksmith
Páginas: 144
Informações do Livro: Skoob - GoodReads
Onde Comprar: Compare e Compre - Saraiva - Amazon - Submarino
Leia Amostra Grátis: Amazon - Saraiva
Resenhas da Série Castles Ever After: Romance com o Duque / Diga sim ao Marquês

Diana Highwood estava destinada a ter um casamento perfeito, digno de flores, seda, ouro e, no mínimo, com um duque ou um marquês. Isso era o que sua mãe, a Sra. Highwood, declarava, planejando toda a vida da filha com base na certeza de que ela conquistaria o coração de um nobre.
Entretanto, o amor encontra Diana no local mais inesperado. Não nos bailes de debute em Londres, ou em carruagens, castelos e vales verdejantes O homem por quem ela se apaixona é forte como ferro, belo como ouro e quente como brasa. E está em uma ferraria.
Envolvida em uma paixão proibida, a doce e frágil Diana está disposta a abandonar todas as suas chances de um casamento aristocrático para viver esse grande amor com Aaron Dawes e, finalmente, ter uma vida livre! Livre para fazer suas próprias escolhas e parar de viver sob a sombra dos desejos de sua mãe. Há, enfim, uma fagulha de esperança para uma vida plena e feliz. 
Mas serão um pobre ferreiro e sua forja o felizes para sempre de uma mulher que poderia ter qualquer coisa? Será que ambos estarão dispostos a arriscar tudo pelo amor e o desejo?

Vamos la...

Antes de mais nada, vou ressaltar sobre a capa do livro. Sem sobra de duvidas foi a capas mais bonita da serie Spindle Cove. Amei a capa do livro.

A Bela e o Ferreiro é mais uma continuação da novela de Spindle Cove. O livro é bem curtinho e super direto, então da para ler em questão de pouquíssimas horas. 

Diana Highwood, uma jovem aparentemente frágil, devido a sua saúde delicada, vive sobre os padrões de sua mãe, a Sra. Highwood. Que sonhava em ver sua filha mais bonita casada com um marquês ou algum nobre de título mais elevado. Mais nem tudo é como nossas mães sonham correto?

Diana nutria uma paixonite pelo ferreiro de sua cidade. O belo e intenso Aaron Dawes. O que ela não esperava, era que ele também fosse atraído por ela. 

Como já havia mencionada acima, o livro é super direto. Então logo de cara já vemos as intenções da doce Diana e do estimado ferreiro. 

"Sou uma estranha para o meu próprio coração."

Ao se tratar de um livro de época, já imaginamos que pelo título que não seria fácil para o casal mostrar o afeto que sentiam assim facilmente. Apesar de tudo Diana era uma dama da sociedade, e ela estava naquela pequena cidade para curar sua saúde, logo pensamos que a qualquer momento ela poderia partir e deixar o coração do nosso querido ferreiro aos pedaços. 

Mais não é o que acontece. Fiquei surpresa ao ver uma personagem decidida pelo que quer, e que apesar de ser um personagem feminino de época, ela não é como outros personagens que são 'melosas e cheia de suspiros pelo amado'.

Desde o inicio Tessa, deixou claro que ela sabia perfeitamente esconder suas emoções. E isso foi um fator positivo no livro. Mesmo com a desigualdade social entre os dois, a autora mostrou um romance intenso, escandaloso e um tanto promissor, quem diria que um bruto ferreiro seria um homem pratico e romântico? 

Vale super a pena fazer aquela sagrada pausa para o café e ler esse livro. É divertido, romântico e direto.

Até a próxima... ;)

Resenha feita por: Juliana Santos

Obs.: Prefiro não notificar o livro, pois eu não tenho a capacidade de enumerar de 0 a 10 o quão ele pode ser ruim ou não. Prefiro deixar você descobrir. E se por ventura houver erro de português, não deixa de me avisar, sou humano e vou errar! (Essa observação irá em todas as resenhas)

Leia Amostra Grátis: 


Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Sobre Nós

Sobre Higor e Juliana: Casal geek, cinéfilos, leitores compulsivos. Amantes de um bom seriado e perdidamente apaixonados pelo mundo da literatura.