terça-feira, 7 de março de 2017

Romances de Época os novos queridinhos do momento.


E quem nunca leu um romance de época que atire a primeira pedra ou corra logo para ler.

É isso mesmo meus amigos leitores, eu, como mulher e leitora viciada em romances, não poderia deixar de falar sobre os romances de épocas que parecem estar super na moda.

Então, a uns três anos mais ou menos tem sido lançados por diversas editoras, uma variedade de romances de época. Eles estão apostando com tudo nesse gênero literário, e posso confessar uma coisa eu estou amando. Pois amo reviver em cada livro de autoras diferentes os escândalos londrinos. 

Para quem nunca leu um romance de época, vai umas dicas de quais autoras começar a procurar imediatamente.

Acho que pela quantidade de resenhas aqui no Papeletas, todos sabem que eu amo a diva da Sarah MacLean, então pode começar lendo a serie do Clube dos Canalhas mais queridos do Anjo Caído:


Tem também a minha amada Tessa Dare  que já possui varios livros pela editora Gutenberg, porém só li esses:


Mas a minha grande surpresa de 2017 foi a Lorraine Heath


Mais fora essas indicações tem outros maravilhosos que ainda não postei resenhas (por preguiça mesmo)

Cilada para um marquês da Sarah MacLean, é um romance maravilhoso.
Nove regras a ignorar antes de se apaixonar, também é um romance da Sarah, porém publicado pela editora arqueiro.

E como mencionei a Editora Arqueiro não posso deixar de mencionar as autoras mais badaladas deles, apesar que não li nenhum romance de época delas;

Por indicação de amigas, vale a pena conferir os Romances da Julia Quinn (já está na minha meta de leitura), os livros da Lisa Kleypas(por enquanto da Lisa eu só li dois livros dela, publicados pela editora Gutenberg), Loretta Chase dentre outras que não vou me lembrar agora.

Mas enfim, essa é uma pequena lista a se considerar, para quem pretende se arruinar e se perder de amores pelos romances de épocas. 
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Sobre Nós

Sobre Higor e Juliana: Casal geek, cinéfilos, leitores compulsivos. Amantes de um bom seriado e perdidamente apaixonados pelo mundo da literatura.